Êxtase


home


Mensagem


Arquivo


Theme
"Sou como você me vê. Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania, depende de quando e como você me vê passar." - Clarice Lispector"
+
Você frusta todas as expectativas que eu já tive em relação à alguém pra mim. E mesmo assim é em você que eu penso, é de você que eu gosto,é pra você que eu volto sempre.
Caio Fernando Abreu.  (via felicidadeadois)

+
Daí ela se lembrou de como é ser forte. Ela enxugou suas lágrimas e sorriu. Sim, sorriu, porque ela sabe que algo melhor está por vir. Ela sabe.
Tati Bernardi.  (via se-eu-pudesse)

+
Eu era uma boa pessoa com um bom coração.
Cartas dos Derrotados.  (via felicidadeadois)


+ Mon cher, tu me manques.

aluguefelicidade:

É que me deu saudade do toque daquelas mãos quentes, que sabem a dose certa pra me arrepiar inteira. Senti saudade de afogar meus olhos naqueles olhos e de sentir nossas cores se misturando e tornando-se uma só, num beijo que certamente nos deixava sem fôlego. Senti saudade de tocar aquela pele aveludada e de me embriagar naquele cheiro. Mais do que saudade, foi falta. Falta dos olhos, das mãos, da boca, da pele, do toque, do cheiro, do colo e dos sussurros ao pé do ouvido. Por mais que eu tente, nada do que eu escrevo é do tamanho da falta que eu sinto de segurar aquela mão e ter seus dedos entrelaçados nos meus. Sinto falta de todas vezes em que confundimos nossas pernas, quando as mesmas se encontravam amarradas umas as outras, bagunçando o lençol manchado. É que me deu saudade daquelas batidas em minha porta, que sempre faziam meu coração acelerar. É que me bateu saudade, de gritar aquele nome em francês que um dia usei para apelidar um certo rapaz. A saudade resolveu tomar conta de mim, e esfregar na minha cara que não consigo suportar uma ausência. É que me bateu saudades, da época em que minhas noites sem dormir, e minhas olheiras terríveis, não eram por conta de uma noite mal dormida, e sim uma madrugada bem acordada ao lado de quem eu amava. Olhar para o céu não me agrada mais, pois o único céu que eu desejo agora, é o céu daquela boca.

Beatriz Cardozo e Júlia Ogaia.

+
E tudo isso é tão grande, tão precipitado, tão absurdo, que quase não é real, quase não é amor, quase fica sem nome.
Gabito Nunes  (via milenaozorio)

+
Não me diga o que fazer,
Eu sei errar sozinho!
Eu me chamo Antônio.     (via chuvadeamor)


+
Eu estava longe de ser uma pessoa interessante. Não queria ser uma pessoa interessante, dava muito trabalho. Eu queria mesmo um espaço sossegado, e obscuro pra viver a minha solidão; por outro lado, de porre, eu abria o berreiro, pirava, queria tudo, e não conseguia nada.
Charles Bukowski.    (via aluguefelicidade)

+
Eu não te culpo. Eu, no seu lugar, faria o mesmo, talvez. É que eu sou uma pessoa difícil de lidar, de conviver, de amar.
Querido John. (via remanejar)

+
E como os dias as pessoas também se vão, para sempre.
Embrulhando Sorrisos.   (via aprendizagens)

+
É tão deprimente você ter sido tão machucado sentimentalmente à ponto de não conseguir sentir mais nada por ninguém.
Mas está faltando amor.   (via relevou)

+
Hoje eu queria estar só. Mas não sozinho. Só contigo.
Caio Fernando de Abreu.   (via felicidadeadois)


+
De escolha própria, escolheu a solidão.
Legião Urbana.   (via felicidadeadois)

1 2 3 4 5 »
Layout por:
silenciar